Machine Learning, afinal, o que é e para que serve?

O Machine Learning é a habilidade da máquina ou sistema aprender tendências sem a necessidade de programação.

Machine Learning ou aprendizado de máquina, é o termo utilizado para denominar um processo de “inteligência artificial” baseado na análise de dados, identificando padrões para que um sistema tome decisões com o mínimo de intervenção humana.

Sabe aqueles vídeos que são recomendados no seu perfil da Netflix ou Youtube? Ou até mesmo aqueles anúncios interessantes que apareceram no feed do seu Facebook ou Instagram? Como o sistema sabe que você pode se interessar por aquilo?

Isso é Machine Learning!

Machine Learning

A ideia é que, a partir das informações fornecidas para criar os anúncios, como títulos e descrições, ou até mesmo realizar pesquisas, o Machine Learning seja capaz de interpretar quais combinações fazem mais sentido para entregar o melhor resultado naquele momento.

Por meio de uma complexa análise de dados, a máquina consegue definir perfis de clientes, padrões de consumo e tipos de conteúdo mais buscados, assim ela consegue tomar a decisão mais coerente possível.

Machine Learning e o Marketing Digital

É muito natural que o Marketing tire proveito dos benefícios do Machine Learning à medida que ele se torne uma ferramenta cada vez mais precisa e independente. Leads qualificados, anúncios certeiros, personalização da comunicação com o cliente e sistema de possíveis tendências são algumas das vantagens de utilizar o aprendizado de máquina em conjunto com o marketing digital.


formula do negocio online

Aprenda a criar seu negócio online com o curso mais completo do Brasil.

Fórmula Negócio Online é o treinamento mais completo que existe para você construir o seu negócio online da maneira mais fácil.O treinamento te ensina de verdade a ganhar dinheiro na Internet!


LEIA TAMBÉM: A IMPORTÂNCIA DO SEO PARA OS NEGÓCIOS

Remarketing, Retargeting e o Machine Learning

Apesar de lembrar um pouco no que se refere a entregar conteúdo com melhor engajamento para o usuário, o Remarketing e Retargeting não devem ser considerados como Machine Learning.

Veja abaixo uma explicação resumida sobre Remarketing e Retargeting.

Remarketing

A estratégia de remarketing consiste em “conversar” com usuários que já demonstraram interesse em seu site, ou seja, significa fazer marketing novamente para a mesma pessoa.

Normalmente o remarketing utiliza o sistema de listas. Ele é bem semelhante à segmentação do e-mail marketing. As listas dividem os visitantes do seu site conforme o tipo de ação que deve ser tomada.

O objetivo do remarketing é converter leads em clientes (aumentar as conversões), mantendo os leads sempre próximos.

Retargeting

Já o Retargeting consiste em exibir anúncios (Google Ads, Instagram e Facebook Ads, etc) para usuário que visitaram o seu site ou alguma página específica dele em determinado período (normalmente de 30 dias a 45 dias).

O Retargeting funciona através de cookies que ficam armazenados no computador do visitante, vinculados a uma tag inserida no código do site. Quando o visitante acessar esta página com o cookie instalado, a ferramente de anúncios vai identifica-lo e exibir os anúncios que você determinou ao criar a campanha.


Bom, é isso pessoal! Não esqueça de deixar seu comentário caso queira agregar qualquer informação a este artigo. Dúvidas, sugestões ou críticas são sempre bem vindas.

LEIA TAMBÉM: AFILIADOS, VEJA O QUE FAZER E O QUE NÃO FAZER PARA AUMENTAR SUAS VENDAS!

 
Luiz Felipe Barreiro

Luiz Felipe Barreiro

Fundador do Marketing Digitalizado. Administrador, Marqueteiro e Empreendedor Digital. Apaixonado por trilhas, acampamentos e cerveja!